Jogando xadrez com os anjos - Personagens #3: HERMES

3 comentário(s)

Informações: Hermes, homem inglês de meia-idade. É o responsável pela "adoção" de Anny após a partida misteriosa dos pais, juntamente com sua esposa, Jane. Um homem frio e de olhar triste, cujo coração parece não ter alegria de viver. Será que Anny conseguirá conviver com um homem tão amargurado? Talvez a razão para tamanha amargura esteja nos erros do passado...


Hermes na história: Sempre com a cara fechada e sem expressões, Hermes arrasta a vida sem alegrias e esperanças. Até que Anny, a protagonista de oito anos, surge em sua casa pequena e cinzenta. A princípio a presença da garota, cheia de vida e alegria, é como veneno para sua existência dolorosa. Mas ela não medirá esforços para compreendê-lo e ajudá-lo. Hermes tem um capítulo especial, durante um Natal inesquecível, em que muito de seu passado é revelado. Assim, a tristeza em seu olhar, finalmente, começa a ter uma explicação.


Trechos com o personagem:


"Hermes era casado com Jane há duas décadas. Eles não conseguiram ter filhos e, com o passar dos anos, se acostumaram tanto com a ideia de que nunca seriam pais que nunca mais tocaram no assunto. Ele era um homem sério, que tinha menos idade do que aparentava. Sua barba era tão malcuidada que chegou a dar nojo em Anny quando ela o olhou de perto. A garota pensou que ele não tinha alegria de viver quando olhou dentro de seus olhos pela primeira vez, deparando-se com uma expressão vazia e cansada, de quem espera pouco e entrega pouco à vida".

"Enquanto falava, Hermes parecia reviver sua própria história, mergulhando cada vez mais profundamente nas lembranças – lembranças de quando ele ainda vivia e não simplesmente existia.
Há tanto tempo ele não se permitia relembrar...
Havia guardado aquelas recordações no fundo de sua alma por tanto tempo, que elas, agora, pareciam empoeiradas. Era difícil revivê-las, pois eram doces, e o coração do homem, com o tempo, havia se tornado amargo.
Anny deixou-se embalar pelas memórias de Hermes e foi acompanhando cada detalhe, também criando as cenas em sua mente".

"A garota assustou-se, mas entendeu que Hermes não significava uma ameaça para ela, e sim uma ameaça apenas para si próprio. Ela precisava ajudá-lo.
Anny enxugou as lágrimas que derramara na hora do susto, arrastou-se até o homem, que chorava feito menino, e abraçou-o.
Era um homem feito, mas, por dentro, um aventureiro adormecido.
Ele não ganhava um abraço há tantos anos que se confortou naqueles pequenos braços da garota e chorou por muito tempo".

Mais personagens: Anny - Pepeu

Conheça mais sobre meus livros clicando aqui


3 comentários:

HONORATO, Sandro disse...

Hermes *--*
O poeta :)

Beijos Fabi e cuide-se

Paul Law disse...

Puxa... um personagem perturbado que deve dar trabalho para a pobre Anny no decorrer da história.

Abraço, Fabi. Até breve!

Natallie disse...

Interessante... a caracterização do personagem e seu nome (o deus greco-romano mensageiro)... Legal o quote acima, "Era um homem feito, mas, por dentro, um aventureiro adormecido." Ansiosa pra ler o livro e saber mais sobre esse personagem que de cara parece querer contar muita coisa.

Postar um comentário